quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Dia estranho

Hoje acordei com uma sensação estranha....ainda não sei o que é.
O dia apesar de estar mais ensolarado que nunca, para mim está cinzento, sem cor....
Aparentemente não há nada errado na minha vida hoje, se você der aquela olhada por cima vai ver que tudo está caminhando como deveria, mas se eu ficar quietinha e der uma olhada mais devagar e com mais cuidado,  sei que algo está fora do lugar e não estou conseguindo me livrar desta angústia que teima em me atormentar.
Provavelmente não seja nada sério...mas certos dias uma desesperança toma conta de mim e não consigo ter um olhar ou um pensamento mais positivo sobre as coisas...justo eu que sou irritantemente positiva e com síndrome de Pollyana !!
O que sei é que preciso me cercar de pessoas que me fazem bem e que gostem de mim, porque conviver com pessoas negativas e que não tem a mesma energia que você faz mal à saúde, principalmente a saúde mental.
Pode ser o stress, o acúmulo de trabalho, meu perfeccionismo em fazer tudo do meu jeito, pode ser estar me conhecendo através do outro, pode ser tudo ou pode ser nada...hoje não tô bem pra tentar definir o que eu tenho...
Talvez eu não esteja conseguindo processar tudo o que está acontecendo na minha vida...mas a vida segue e a gente tem que dar um jeito e falar pra tristeza e para a angústia que não tem tempo pra elas porque está ocupado demais tentando viver e sobreviver e que pensar em problemas que ainda nem existem é pura perda de tempo.
Finito !!
M.J.C.


5 comentários:

Michele P. disse...

Márcia

Achei super interessante você tocar na questão da "energia". Acredito piamente nisso! Parece-me que as aquelas pessoas de péssimo humor, negativas e ranzinzas nos afetam de uma maneira inacreditável.
Gosto de gente que vibra,que sorri, que anima! As demais... deem-me licença que eu quero passar! :)

Compartilho um trecho traduzido do poema de Mario Benedetti, que vem ao encontro do que estamos sentindo hoje:

"Não te rendas, por favor não cedas,
ainda que o frio queime,
ainda que o medo morda,
ainda que o sol se ponha e se cale o vento,
ainda há fogo em tua alma,
ainda há vida em teus sonhos,
porque cada dia é um começo,
porque esta é a hora e o melhor momento,
porque não está sozinha,
porque eu te desejo o bem."

:)

Cuide-se!

Beijos

Marcia Cardoso disse...

Obrigada Michele !!
:)
Não me renderei !!

Anônimo disse...

Má,
Vc é um imã vivo e atrai para sua vida as pessoas e as circunstâncias..
Tudo que estiver de acordo com o seu desejo vira ao seu encontro,tudo que não faz parte do seu querer se afasta de vc...
Se olharmos nessa perspectiva vc sera dona da sua Historia.
Não coma a fruta verde, tudo acontece em seu próprio tempo.
bjão.

Marcia Cardoso disse...

Anônimo...rs
e depois me fala que não escreve bem né...rs
Adorei a coisa da fruta verde...me fez pensar.
bjs

Anônimo disse...



Aprendi com a priimavera,
a deiixar-me cortar,
para voltar sempre inteiro.."

Bjo.